Atendimento e Televendas: 0800 038 5830 ou 4007-1972
Olá Visitante, Identifique-se
0
Olá Visitante, Identifique-se
0

COMO COLOCAR E TIRAR SUAS LENTES DE CONTATO

Colocar e tirar lentes é muito fácil. Depois de algumas tentativas, você se tornará um expert. Aqui estão algumas dicas que podem ajudar você.

Sempre lave suas mãos com um sabonete suave e seque-as com uma toalha sem felpas antes de tocar suas lentes.

Limpe, enxágüe e desinfete suas lentes cada vez que removê-las.

Sempre manuseie a mesma lente primeiro, para evitar confusões entre lente esquerda e direita.

 

COLOCANDO AS LENTES DE CONTATO

1. Você pode enxaguar suas lentes com uma solução multiuso ou com soro fisiológico antes de colocá-las.

2. Ponha uma das lentes na ponta do dedo indicador da mão com a qual você escreve. Certifique-se de que a lente está do lado correto (as bordas devem estar viradas para cima, não para fora).

3. Olhe para frente. Abaixe sua pálpebra inferior com o dedo médio da outra mão.

4. Puxe a pálpebra superior com a outra mão e olhe para cima.

5. Coloque delicadamente a lente na parte inferior do branco do olho.

6. Retire o dedo indicador e solte a pálpebra.

7. Olhe para baixo e feche seus olhos por um tempo. A lente se centralizará.

Repita o procedimento para a outra lente.

 

RETIRANDO AS LENTES DE CONTATO

1. Você pode utilizar gotas lubrificantes ou umidificantes antes de retirar suas lentes. Uma ou duas gotas em cada olho são suficientes para umidificar as lentes, tornando-as mais fáceis de serem retiradas.

2. Olhe para cima e puxe a pálpebra inferior com o dedo médio da mão com a qual você escreve

3. Coloque seu dedo indicador na borda inferior da sua lente e deslize-a para baixo, até o branco do olho.

4. Aperte levemente a lente entre o seu dedo indicador e seu polegar e remova-a com cuidado.

5. Repita o procedimento para o outro olho.

Se as bordas da sua lente grudarem, aplique algumas gotas de soro fisiológico ou solução multiuso e friccione a lente gentilmente até que as bordas se separem

 

Dicas e Dúvidas

Com o objetivo de garantir uma visão clara e perfeita, uma melhor saúde dos olhos e o máximo de conforto no uso de lentes de contato, listamos a seguir algumas dicas importantes para a utilização e o cuidado de suas lentes.

SEMPRE:

• Lave suas mãos com um sabonete suave e seque-as com uma toalha sem felpas antes de tocar as lentes.

• Sempre manuseie a mesma lente primeiro, para evitar confusões entre lente esquerda e direita

• Limpe, enxágüe e desinfete suas lentes cada vez que removê-las. Siga as instruções de seu oftalmologista.

• Aplique spray de cabelo antes de colocar suas lentes.

• Aplique maquiagem depois de colocar suas lentes

• Mantenha fechadas todas as embalagens das soluções quando não estiverem sendo usadas.

• Utilize as soluções antes do término do prazo de validade indicado na embalagem; se o prazo vencer, jogue fora as soluções.

• Limpe seu estojo de lentes diariamente e deixe-o secar ao ar livre. Substitua seu estojo de lentes a cada três meses.

• Marque consultas periódicas com seu oftalmologista.

• Entre em contato com seu oftalmologista se você tiver alguma dúvida ou preocupação.

NUNCA:

• Permita que sabonetes, cosméticos ou outras substâncias entrem em contato com suas lentes.

• Encoste a ponta de uma embalagem de solução em qualquer superfície, incluindo o seu dedo e as próprias lentes de contato.

• Reutilize qualquer solução para lentes de contato.

• Utilize colírios ou soluções não indicadas para uso com lentes de contato.

• Use suas lentes de contato na presença de vapores ou fumaças prejudiciais ou irritantes.

• Aplique maquiagem para olhos na porção interior de sua pálpebra.

• Utilize maquiagem que possa escorrer para dentro do seu olho.

 

DUVIDAS ??? CONHEÇA ALGUNS MITOS QUE CIRCULAM NO MUNDO DAS LENTES DE CONTATO.

 

Todo mundo pode usar lentes de contato?

A maioria das pessoas podem usar lentes de contato, mas é indispensável passar por um oftalmologista, que fará uma avaliação para verificar se existe algum processo que impeça o uso.

Existe risco de colocar as lentes do lado contrário?

Esse risco existe somente com as lentes gelatinosas. Em caso de posicionamento incorreto, o usuário ficará com a visão embaçada, e possivelmente sentirá alguma irritação no olho.

Posso dormir com lentes de contato descartáveis?

Existem lentes descartáveis que permitem o uso durante o sono. Essas lentes possuem alta permeabilidade ao oxigênio e por isso evitam o ressecamento. Lentes não indicadas para esse tipo de uso podem diminuir o nível de oxigênio da córnea e alterar as características da própria lente.

Posso usar lentes de alguém com o mesmo grau?

Não. Apesar de a outra pessoa ter o mesmo grau, existem doenças e irritações que poderão ser transmitidas através do compartilhamento das lentes.

Posso usar a saliva para limpar a lente em vez de soro fisiológico?

Não é indicado o uso de saliva e nem soro fisiológico para a limpeza das lentes. Essas duas substâncias contêm microorganismos que podem trazer irritações aos olhos.

Posso ir à praia ou piscina usando lentes de contato?

As lentes rígidas podem ser perdidas na água do mar ou da piscina. Já as lentes gelatinosas podem ser contaminadas com os produtos usados em piscinas ou com os próprios detritos da água do mar, e isso pode gerar uma conjuntivite química ou uma ceratite química, por isso, se desejar ir a praia e piscina, cuidado para não deixar as lentes em contato com a água. É sempre bom frisar que caso as lentes tenha qualquer tipo de desconforto, retira-las imediatamente.

Qual o tempo útil das lentes de contato?

Existem lentes que requerem apenas uma troca anual, enquanto outras devem ser substituídas depois de um determinado período, que pode variar entre 1 semana, 15 dias e 1 mês. O indicado é sempre seguir as recomendações do fabricante e do especialista. Após o tempo de validade, as lentes perdem as características originais.

Quais os riscos de se usar lentes de contato que não estejam bem limpas?

Existe risco de contaminação por microorganismos que pode gerar doenças, irritações alérgicas ou por toxicidade, e até úlcera de córnea. Por isso, a limpeza e a desinfecção são indispensáveis para quem usa lentes de contato.

 

Cuidado com as lentes

 

LENTES DE CONTATO LIMPEZA E CUIDADOS

É fato: as lentes de contato aos poucos estão se popularizando e se tornando mais comuns na rotina dos brasileiros. Dados da Sociedade Brasileira de Lentes de Contato e Córnea (Soblec), cerca de 2,5 milhões de pessoas são usuárias no país – a grande maioria representada por mulheres, adolescentes e atletas.

Mas apesar desse crescimento no uso das lentes de contato, oftalmologistas insistem em enfatizar a necessidade de uma higiene bem feita. Segundo oftalmologistas, a maioria das complicações encontradas com o uso das lentes de contato se dá por falhas na manutenção dos usuários.

Assim, trocar as lentes conforme necessário, usar produtos adequados de limpeza e cuidar do estojo das lentes ajudam na manutenção da saúde ocular e no prolongamento da vida útil dessas pequenas notáveis. A limpeza, o enxágüe e a desinfecção auxiliam na conservação das lentes, removem os depósitos ambientais e do próprio filme lacrimal, eliminam microorganismos e evitam complicações, que vão de conjuntivites a úlcera de córnea.

Uma dos impulsos para que as lentes de contato conquistassem mais adeptos foi a “descomplicação” no manuseio e conservação das mesmas. Soluções multiuso, que reúnem as propriedades de limpeza, desinfecção e umidificação em um só produto, por exemplo, minimizam os gastos e facilitam a manutenção diária. De acordo com oftalmologistas, a limpeza e a desinfecção das lentes sempre que utilizadas colaboram enormemente para evitar complicações posteriores nos olhos. “É necessário o uso de soluções preparadas que sejam compatíveis com o olho e com o tipo de lente utilizada”.

Higiene das lentes de contato

• As lentes de contato devem ser mantidas em um estojo apropriado e imersas em soluções adequadas para esta finalidade.
• Para a limpeza e desinfecção das lentes, o mercado dispõe de soluções limpadoras surfactantes, limpadores enzimáticos ou soluções multiuso. Vale lembrar que o tempo de ação e detalhamento da forma de uso de cada produto varia de acordo com o fabricante. Por isso, a bula do produto deve ser lida atentamente.

Enxágüe e desinfecção das lentes
• O enxágüe das lentes é indicado para remover depósitos soltos e soluções limpadoras da superfície da lente. 
• O enxágüe pode ser feito com uma solução específica para isso ou multiuso. Com a lente na palma da mão, o usuário deve aplicar o produto fazendo uma leve fricção de trás para frente. Recomenda-se um segundo enxágüe, sem fricção.
• Importante que se guarde suas lentes de contato em solução multiuso para conservação, pois durante o repouso das lentes o produto estará auxiliando na limpeza.

 

Defeitos da Visão

 

MIOPIA:

A Miopia é a condição em que os raios de luz são focalizados antes de atingirem a retina. O míope enxerga bem os objetos próximos e, quando tenta focalizar algo mais afastado, procura forçar a vista na tentativa de reduzir a distância. Por isso, para enxergar um ponto mais distante, o míope aperta os olhos. A miopia mais comum é a axial, que se caracteriza pelo olho ser maior que o normal.

HIPERMETROPIA:

A Hipermetropia é a condição inversa à miopia, em que os raios de luz são focalizados após a retina. A Hipermetropia mais comum é a axial, que se caracteriza pelo olho ser menor do que o normal.

O hipermétrope vê melhor os objetos distantes. Pode- se observar que quem tem este problema costuma colocar o jornal a certa distância para poder lê-lo.

ESTRABISMO:

O Estrabismo ou vesguice, como é conhecido popularmente, é a condição onde ambos os olhos são desviados do eixo central.

É provocado pelo enfraquecimento dos músculos oculares, ou por algumas doenças graves.

Se perceber olho torto na criança, leve-a o mais rápido possível ao oftalmologista. Quanto mais cedo for tratado, melhor!

DALTONISMO:

O Daltonismo é uma rara perturbação da visão colorida, determinada geneticamente, caracterizada pela falta de reconhecimento de uma ou várias cores.

PRESBIOPIA OU VISTA CANSADA:

A Presbiopia é uma condição normal onde, principalmente indivíduos acima de 40 anos, têm dificuldade para ler ou enxergar objetos muito próximos (a menos de 45 cm de distância). Esta condição é corrigida com óculos de leitura.

 

Cuidados com os Olhos

 

OLHOS VERMELHOS

A vermelhidão que às vezes aparece nos olhos pode apresentar diversas causas. Veja quais são e observe as importantes recomendações dos oftalmologistas:

O aparecimento de hiperemia (vermelhidão) nos olhos, seja ela acompanhada ou não de outros sintomas, implica exame oftalmológico. Muitas vezes, esquecemos a importância de uma avaliação especializada e recorremos à medicação (colírio) que alguém já usou ou até fazemos pior, por orientação de pessoas não habilitadas. E é justamente, nesse momento, que podemos estar perdendo tempo precioso no início do tratamento adequado e prevenção de seqüelas irreversíveis.

As causas de hiperemia ocular são inúmeras e vão desde uma simples irritação química (como a fumaça, por exemplo) a graves infecções intra-oculares que exigem providências imediatas.

Diante da diversidade de tipos de irritação é fácil supor que o tratamento tem que ser específico para cada caso.

Basicamente, podemos citar que a congestão ou vermelhidão das pálpebras, conjuntiva ou esclera podem ser causadas por uma reação inflamatória aguda, infecções, traumas, alergia, ressecamento, glaucoma agudo ou mesmo uma hemorragia subconjuntival.

As tão populares conjuntivites podem ser alérgicas ou causadas por agentes microbianos, bacterianos, virais, fúngicos, por clamídia ou parasitas e devem ser tratadas após a identificação do agente.

Patologias da córnea como ceratites, corpos estranhos , escoriações e úlceras também são causas freqüentes de hiperemia ocular e podem levar a lesões graves se não forem tratadas. Inflamações ou infecções do trato uveal (camada vascular interna dos olhos) podem levar a permanentes déficits visuais. Podem acometer apenas o segmento anterior do olho, quando são chamadas uveíte anterior , que pode ser aguda ou crônica recorrente. A uveíte anterior é uma afecção que freqüentemente é confundida com conjuntivite e tratada erroneamente.

Quando o acometimento envolve a coróide e/ou retina, trata-se de uma uveíte posterior, podendo atingir áreas importantes, como a mácula e o nervo óptico, levando a perdas irreversíveis da visão. O glaucoma agudo produz dor, hiperemia e visão turva. Nesses casos, é mais fácil a procura pelo oftalmologista devido à dor intensa.

O glaucoma agudo requer tratamento de emergência para evitar danos permanentes do nervo óptico, causados pelas pressões intra-oculares excepcionalmente altas que ocorrem nesses casos.

As pálpebras e o aparelho lacrimal também podem ser causa de olho vermelho, como por exemplo, nas blefaro-conjuntivites e dacriocistites, porém, nesses casos, chama mais a atenção a hiperemia e edema (inchaço) das pálpebras.

Nessa pequena viagem pelos caminhos dos olhos, queremos alertar para os perigos da auto-medicação como também lembrar que nunca se deve subestimar os sintomas antes de procurar seu oftalmologista. Assim, você pode prevenir futuros problemas e seqüelas.

 

SAÚDE DOS OLHOS

O que fazer para evitar a perda visual?
Medidas que garantam uma vida saudável tem direta relação com a diminuição da perda da visão.

Dentre elas:

- Bom sono
- Boa alimentação
- Suplementação vitamínica
- Não fumar
- Diminuir o stress
- Proteção contra o sol
- Uma dieta balanceada contendo uma ampla gama de vitaminas e minerais é essencial para uma boa visão e para manter olhos saudáveis em crianças e adultos.

Como os fatores nutricionais podem colaborar na saúde ocular:

- Protegendo seus olhos contra danos oxidativos
- Mantendo a função do nervo óptico
- Reduzindo o risco da cegueira noturna
- Estudos sugerem que o equilíbrio de nutrientes relevantes ativos (vitaminas, carotenóides e minerais) podem ter um importante papel na saúde ocular. Eles devem ser obtidos dos alimentos uma vez que não podem ser fabricados pelo corpo humano.

Alimentos fortificados e suplementos podem ser uma útil fonte adicional destes nutrientes na dieta. Vitaminas e minerais são essenciais para uma boa visão e para manter olhos saudáveis em crianças e adultos.

Saúde dos Olhos não é apenas uma questão de sorte para uma grande parcela da população. Uma boa saúde dos olhos depende de você.

 

TRANSPOSIÇÃO DE GRAU

A transposição de grau da receita padrão oftálmica para lentes de contato, é necessária de acordo com a graduação do paciente vinculado ao produto adquirido.

Trata-se de um procedimento técnico e necessário para melhor qualidade visual, pelo fato das lentes estarem em contato direto com os olhos, ou seja, diferente de óculos que proporciona distancia entre sua visão e as lentes da armação (DISTANCIA AO VERTICE).

Cada fabricante possui sua tabela de conversão mediante o produto utilizado em relação à receita oftálmica, ou seja, a transposição de grau segue uma mesma regra, porém poderá existir pequena variação de acordo com o modelo e dificuldade visual.

As lentes de contato tóricas (correção para astigmatismo) são as lentes na qual exige maior frequência de transposição, principalmente nas lentes mais utilizadas que são as lentes descartáveis e devido a grande variedade de graduação (Grau Esférico + Grau Cilíndrico + Posição do Eixo).

- Graduação NEGATIVA - (Miopia no Esférico e Astigmatismo no Cilíndrico) sofre diminuição de grau quando convertido.
Graduação POSITIVA + (Hipermetropia) sofre aumento de grau na conversão.

*Toda conversão é realizada diretamente pelo fabricante respeitando os dados técnicos do produto vinculado graduação do paciente.

*Em diversos casos a graduação se mantém, ou seja, para óculos (receita padrão) ou para lentes de contato a graduação é a mesma.

Por se tratar de um assunto técnico, é comum gerar dúvidas sobre o mesmo. Sendo assim estamos à disposição para melhor auxiliar através de nossos consultores. Entre em contato conosco através de nossos canais de atendimento direto via telefone, e-mail, chat online ou pessoalmente em uma visita em nossa loja física.

Produtos que você já viu

Você ainda não visualizou nenhum produto

Termos Buscados

Você ainda não realizou nenhuma busca
Newsletter
CADASTRE-SE E RECEBA OFERTAS EXCLUSIVAS:

Site Confiável

Na Newlentes Você podeConfiar!

Site Confiável
A melhor ótica online do Brasil

A reputação da Newlentes foi construída com base na avaliação dos nossos clientes através da pesquisa dos certificadores Ebit e Trusted Company. Acesse abaixo e conheça melhor o grau de confiabilidade do nosso site.